• PDF
  • Imprimir

BASTA, por Teresa Bergher

  • Ter, 12 de Junho de 2018 00:05
  • Escrito por Teresa Bergher
  • teresa-bergher-iptu-rio-de-janeiro-psdbcarioca

    "Queremos PAZ!"

    Tenho certeza de que quase a totalidade da população do Rio de Janeiro vive um momento tão angustiante, que se torna impossível não reduzir seu potencial de trabalho, de relacionamento, de solidariedade e até mesmo de amar, diante do medo e da extrema violência que tomou conta de nossas vidas.

    Todos os dias, balas perdidas e assaltos fazem vítimas fatais. Imaginar que 57 policiais foram assassinados nos primeiros cinco meses do ano, mesmo com o Estado sob intervenção federal na segurança, beira o surreal. A cada dia acordamos e vamos dormir em meio a informações, cada vez mais graves, de mais áreas em guerra, mais invasões, tiroteios, que não escolhem onde nem a quem. Todos se tornaram alvos fáceis.

    Afinal, o que falta para a explosão do grito abafado de BASTA? Queremos PAZ! Imaginem a dor da mãe do policial Douglas, dona Maria José, que, ao ver o filho morto, no local do crime, sofreu um infarto fulminante e morreu? É insuportável o sofrimento a que têm sido submetidos fluminenses e cariocas. Quantas mães, quantas esposas, quantos filhos órfãos terão que passar pelo mesmo sofrimento? E por quanto tempo o farão?

    Será que não temos direito a resposta, mas apenas a discursos de transferência de responsabilidade?

    BASTA, por Teresa Bergher